Você não consegue ir ao banheiro quando está viajando? Saiba que isso não acontece só com você

Você tem um intestino regulado – vai pelo menos uma vez ao dia no banheiro, certo? E mesmo assim sempre que você sai de casa por um período mais extenso você acaba ficando completamente incapaz de ir ao banheiro. Passam-se os dias e logo você não está mais aproveitando as suas férias pelas quais você tanto esperou – tudo o que você consegue pensar é se você vai voltar a ir ao banheiro algum dia.

Se essa foi a descrição das suas últimas férias, pode ter certeza que você não está sozinho. Uma pesquisa conduzida pelo Dr. David Poppers, gastroenterologista e pesquisador do NYU Langone Health, fez alguns levantamentos sobre esse fenômeno, o qual recebeu a denominação de “constipação induzida por viagem” (em inglês, vacation-inducedconstipation), constatou que normalmente esse efeito é causado por três motivos.

Estresse

O estresse pode causar constipação. Isto ocorre porque existe uma grande interação entre o nosso sistema nervoso central (o cérebro e a coluna) e as nossas vísceras – nesse caso especialmente os intestinos, que são considerados “o segundo cérebro” do corpo humano. As vezes o estresse de planejar uma viagem – como fazer reservas, procurar as passagens mais baratas, fazer as bagagens – pode ter um impacto significativo sobre o nosso intestino, o que pode levar à redução dos movimentos intestinais e a maior formação de gases, inchaço e desconfortos abdominais. Nesses casos, técnicas de relaxamento como ioga e meditação podem te ajudar.

Alimentação

O nosso corpo vive de hábitos. Ainda que você faça atividades diferenciadas todos os dias, uma coisa é certa para a grande maioria das pessoas: a quantidade de refeições e os horários em que você as faz. Além disso, cada pessoa possui um “grupo” de alimentos mais comuns do qual ela dificilmente se afasta durante a sua rotina. Entretanto, muitas vezes quando viajamos acabamos por alterar completamente nossos hábitos alimentares, pulando refeições, comendo em maiores ou menores quantidades e ingerindo ingredientes diferentes do que o nosso corpo está acostumado em sua rotina. Além disso, a tendência é uma redução nos cuidados alimentares durante as férias, o que leva, por exemplo, à redução da ingestão de fibras, que são o ingrediente essencial para o intestino funcionar adequadamente. Muitas vezes, também, as pessoas acabam ingerindo menos líquidos quando estão viajando – ou acabam por ingerir maior quantidade de bebidas alcoólicas, que tem o efeito de desidratar o corpo.

Ciclo do Sono

Principalmente nas viagens de maior distância, quando há uma alteração de horário que acaba por causar estranhamento ao nosso relógio biológico, o nosso sono certamente será afetado. A falta de sono – ou a alteração do ciclo de sono – pode causar diversos efeitos à nossa saúde. Quando você viaja, as alterações do seu relógio biológico irão afetar a sua regularidade intestinal. Para evitar que isso aconteça, tente dormir adequadamente nos dias que antecedem a sua viagem e, durante a viagem, tente sincronizar o seu horário do sono com o horário local assim que possível. Algumas pessoas optam por fazer uso de melatonina – uma substância natural indutora do sono – mas você sempre deve consultar seu médico antes de tomar uma decisão como essa.

Uma última dica interessante para quem tem problemas para regular os intestinos é a utilização de alimentos probióticos. As pessoas que optam por esse tipo de alimentação, mesmo quando estão em viagem, podem algumas vezes organizar-se para continuar a consumi-los. Aqui no blog “Lar, Doce Lar” publicamos uma série bem completa sobre esse assunto, que pode ser lida a partir do seu primeiro texto, “O que são probióticos”.

Se você gostou desse assunto, provavelmente também vá gostar dessas outras postagens:
Afinal, a pipoca traz benefícios ou malefícios para a saúde?
Alimentar-se com peixes e vegetais aumenta a longevidade
Como evitar ou diminuir o inchaço abdominal causado por gases
Você sabia que a jardinagem faz bem para a saúde?
A influência dos aromas em nossa vida
Aprenda a utilizar alguns remédios naturais e caseiros para aliviar a dor de estômago

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *