14 dicas de como aproveitar um espaço pequeno para fazer um jardim

Compartilhe com seus amigos

Tempo estimado para leitura: 9 minutos

Praticamente todos nós adoramos desfrutar dos prazeres oferecidos por um jardim bonito e agradável não é mesmo? E se ele for na nossa casa então, não é um sonho poder desfrutá-lo constantemente?

Mas, e se o espaço disponível para montar nosso jardim for pequeno e limitado, devemos desistir desse sonho? Aqui no blog “Lar, Doce Lar” nós acreditamos que não, na verdade essa limitação deve ser considerada como um desafio.

O desafio é descobrir maneiras para utilizar de uma forma criativa e inteligente cada pedacinho da área disponível na criação de um jardim bonito, confortável e agradável.

À primeira vista, ao analisarmos uma área pequena, pode parecer que as possibilidades para montar um jardim, assim como esse pequeno espaço, também sejam limitadas.

Porém, todos os espaços disponíveis para montar um jardim têm potencial. Com um planejamento adequado é sim possível transformá-lo em um ambiente que traga a natureza para perto de nós.

Se você tem um espaço limitado para um jardim e está pensando em encarar esse desafio, listaremos abaixo dicas úteis e interessantes que poderão ser de grande ajuda.

# 1. Planeje um jardim colorido

Quanto mais cores tiver seu jardim, maior e mais aproveitável ele parecerá.

As cores fortes e marcantes, como a vermelha e a amarela, deixam o jardim mais atraente e íntimo. As cores mais claras e suaves, como a azul, a roxa e a branca, por exemplo, causam um efeito de expansão do espaço. Saber mesclá-las é perfeito em pequenos jardins.

# 2. Acerte na escolha das cores das flores

Conforme escrevemos acima, as flores claras aumentam a sensação de espaço maior. Portanto ao escolher as espécies, priorize as flores nessas cores. Considere as hortênsias, os lírios e a lavanda para dar a impressão de um jardim maior.

O ideal é que as cores fortes estejam presentes, mas em menor quantidade.

Plantar uma variedade menor e de muitas plantas em uma área específica também é muito eficaz, pois dessa forma as cores individuais se destacam. Aplicar essa técnica cria pontos focais muito interessantes no jardim e facilita muito a manutenção dos canteiros e vasos.

# 3. Utilize plantas altas e explore a verticalidade

Independente do tamanho do seu jardim, é sempre uma boa alternativa fazê-lo crescer verticalmente.

Plantas altas e vasos pendurados nas paredes, cercas e muros de um jardim expandirão o seu espaço de cultivo disponível.

Para cobrir muros e cercas existem muitas trepadeiras lindas. Muitas delas são perenes e permanecem bonitas ao longo de todo o ano. Um exemplo clássico e muito popular são as heras.

Para vasos pendurados e floreiras presas a paredes o ideal são plantas que caiam pelas suas laterais.

# 4. Escolha plantas adequada a pequenos espaços

Para maximizar um espaço pequeno, a escala é muito importante. Se você escolher plantas inadequadas, ou seja, que cresçam em demasia, em pouco tempo seu jardim será engolido por elas.

Poucas plantas e grandes trazem a sensação de aperto, diminuindo ainda mais o seu jardim. Se você escolher as espécies corretas e organizá-las adequadamente poderá criar a sensação de um jardim maior.

O segredo é o equilíbrio. O ideal é equilibrar o tamanho das plantas. Utilize o menos possível as plantas de porte maior e cerque-as com plantas de tamanho médio, como os arbustos, que são mais fáceis de controlar o crescimento.

As variedades de plantas menores devem ser espalhadas nos canteiros ou delineando as bordas destes. Esta combinação de tamanhos dispostos com planejamento criará uma sensação de profundidade que fará o seu jardim parecer ainda maior.

Isso também é chamado de consorciar plantas que não competem entre si e que se complementem.

# 5. Use canteiros elevados

Fazer uso de canteiros é uma maneira inteligente de expandir o espaço de cultivo, pois dessa forma é possível acomodar mais plantas e criar nichos interessantes, conforme explicamos acima na dica # 2.

Se você escolher plantas que cresçam verticalmente para plantar no meio do canteiro elevado e plantas que caiam para plantar nas bordas desses canteiros elas aumentarão ainda mais o seu jardim.

Existem ainda espécies que crescem verticalmente e depois caem, escondendo a lateral dos canteiros, ficam lindas e também ampliam o espaço.

A escolha das plantas para os canteiros elevados dependerá da aparência que você pretende dar ao seu jardim e também se deseja que as laterais dos canteiros seja visível ou não.


# 6. Crie um ponto focal

Apesar de que a ideia de criar um ponto focal no jardim possa parecer mais adequada para espaços maiores, lançar mão desse recurso de chamar a atenção para algum ponto do jardim também é uma excelente maneira de inserir personalidade a um jardim pequeno.

Uma fonte de água, uma cascata, uma árvore maior única, uma estátua ou até mesmo um móvel de jardim diferenciado são alguns dos itens que podem fazer diferença em um jardim e ser o seu ponto de interesse central.

Há muitas formas de criar um ponto focal. Até mesmo um canteiro de flores exótico e chamativo que contraste com o restante do jardim pode ser interessante.

Além disso, se esse ponto de interesse for colocado estrategicamente a vista de quem está dentro da casa, ele ainda funcionará como um item a mais de decoração para sua casa.

# 7. Use bancos fixos ou móveis de jardim adequados

Bancos fixos construídos juntamente com canteiros elevados são uma opção excelente, a própria lateral do canteiro elevado pode se transformar em um encosto para o banco fixo.

Os bancos fixos, assim como os canteiros elevados, podem ser de pedra, madeira, concreto ou outro material resistente ao sol e a chuva.

Você também pode criar um espaço no jardim para que os móveis sejam colocados somente no momento em que serão usados. Esses mesmos móveis podem ser utilizados em outro momento dentro de sua casa.

Independente da escolha do estilo dos móveis do jardim, e sejam eles fixos ou não, ter onde sentar confortavelmente em um jardim pode transformá-lo em um espaço agradável e de convívio familiar.

O importante nesse caso é evitar a instalação de móveis grandes e volumosos, eles certamente diminuirão a sensação de espaço do seu jardim compacto.

# 8. Faça desenhos geométricos

Criar espaços com padrões geométricos e formas arrojadas, como quadrados e triângulos, são positivos para jardins ​​instalados em pequenos espaços.

O uso de ângulos limpos e bem definidos para canteiros de flores, caminhos e platôs delimitam o espaço de cada item que compõe o jardim.

Dessa forma os jardins até acabam ficando mais formais e simétricos em alguns casos, porém, com plantas e estruturas precisamente espaçadas e arrumadas o espaço aumenta.

Você até pode preferir optar por curvas e bordas mais suaves, porém, em pequenos espaços essa alternativa pode deixar o jardim com a aparência mais confusa e cheio.

Os ângulos das formas geométricas serão naturalmente suavizados pelas plantas e flores na medida em que elas crescerem e ocuparem o seu espaço. Este contraste dará uma sensação atraente ao seu jardim e o deixará com bom aspecto e organizado.

Além disso, truques simples, como pavimentar um caminho de jardim na diagonal podem dar a perspectiva de um espaço mais amplo e mais longo quando comparado ao pavimento em quadrados.

As pedras de pavimentação de cor mais clara também farão com que o seu jardim pareça maior e, ao mesmo tempo, dê uma sensação elegante e modernidade.

# 9. Use as plantas para aumentar a privacidade

Geralmente os jardins pequenos se localizam nas áreas urbanas, onde, obviamente, o espaço disponível é mais caro e limitado.

Se esse é o caso do seu jardim, provavelmente você não queira ser observado pelos vizinhos durante suas horas de lazer ao desfrutá-lo.

Para resolver essa situação, considere utilizar arbustos, plantas verticais (até mesmo algumas espécies de árvores que possam ser podadas) ou sebes estrategicamente colocadas para permitir que você e sua família desfrutem do seu jardim com privacidade.

Se for possível plantar árvores que cresçam um pouco mais você ainda terá o benefício de ter sombra em alguns horários do dia.

Caso nem todo o jardim possa desfrutar de privacidade total, procure pelo menos criar um espaço mais íntimo dentro dele com a vegetação.

# 10. Utilize iluminação adequada

A iluminação quente (amarela) e em camadas ajuda a criar dimensão e tornar um jardim mais acolhedor, independentemente do seu tamanho.

A preocupação com a iluminação deve ser ainda maior nas regiões onde os dias de inverno são mais curtos e, portanto há menos horas de sol para aproveitarmos o jardim.

Procure iluminar os pontos focais, como fontes de água, canteiros e caminhos. A iluminação de um jardim pode ter várias nuances conforme o objetivo de cada ponto de luz, o ideal é testar algumas formas de iluminar o jardim antes de optar pela solução definitiva.

# 10. Utilize materiais e recursos que se complementem

Ao planejar um pequeno jardim, tente se ater a um pequeno número de materiais e texturas e que se complementam. Muitos materiais podem sobrecarregar o espaço, fazendo com que seu jardim pareça confuso e apertado.

Por exemplo, ao selecionar o piso do jardim, evite a escolha de diversos pisos ou solos diferentes. Isso ajudará a deixá-lo com aparência moderna e arrumada, sem criar uma incompatibilidade de texturas confusas.

De mesma forma isso deve ser feito na escolha da vegetação que será instalada em uma área específica do jardim. Escolha uma espécie de cor principal e organize-a em vasos ou canteiros alinhados. Este método é muito eficiente para atrair a atenção para o ponto que desejamos.

# 11. Considere a vista do jardim de dentro de casa

Conforme explicamos na dica # 6, um jardim bonito visto de dentro de casa pode se transformar em mais um item de decoração.

Isso é ainda mais importante se você mora em uma região com verões curtos e com estações de frio mais rigoroso. Fazendo isso seu jardim poderá ser desfrutado o ano inteiro, se não for possível frequentá-lo, pelo menos você terá o prazer de contemplá-lo sempre.

Para fazer isso, estude a perspectiva das janelas e portas que tenham vista para o jardim e relacione as áreas que tenham a melhor vista para ele. Essas são as áreas onde será mais interessante instalar o ponto focal ou os pontos focais do seu jardim.

# 12. Instale floreiras nas janelas

Inclua no projeto do jardim a instalação de floreiras abaixo das janelas voltadas para ele. Dessa forma você vai ampliar o espaço de plantio e consequentemente o tamanho do seu jardim.

Floreiras instaladas em janelas funcionam de forma semelhante ao cultivo vertical e em muros e paredes que citamos na dica # 3, as floreiras permitem aumentar ainda mais o espaço limitado do jardim.

Se optar por essa solução, procure integrá-las da melhor forma possível ao restante do jardim, instale-as o mais próximo possível das variedades que serão complementadas por elas e procure preenchê-las completamente com plantas.

Assim como nos jardins elevados e nos vasos em muros, as espécies de plantas que caem em cascata são uma alternativa excelente para as floreiras de janelas.

# 13. Crie compartimentos

Outra forma interessante de provocar a sensação de espaço maior é compartimentar os espaços, criando vários espaços pequenos.

Você pode dividir o espaço total em vários pequenos espaços bem definidos. Como em um jardim pequeno você provavelmente enxergará toda a área ao mesmo tempo. Essa compartimentação com variedades causa a impressão de que seu jardim é muito maior do que realmente é.

# 14. Otimize o espaço com sabedoria

A última dica, mas não menos importante, é fazer uma otimização de espaço inteligente, de forma que você tenha acesso a todos os locais do jardim para fazer a manutenção da vegetação e dos equipamentos.

Se você não tiver acesso fácil a todas as plantas, vai acabar negligenciando o cuidado de algumas delas, deixando seu jardim com aspecto feio e de abandonado.

Para tanto, planeje cuidadosamente seu jardim e procure fazer a manutenção constante.

Seguindo as dicas acima temos a certeza que você criará um jardim compacto lindo e que proporcionará muita descontração para todos os frequentadores.

Se você estiver procurando também por ideias para seu jardim pequeno, aproveite também para ler o texto “34 ideias para montar um jardim em um espaço pequeno” publicado aqui no blog.


Gostou dessas dicas? Então certamente você também vai gostar de ler esses outros textos que publicamos:
Como montar uma sala de estar no jardim + 24 ideias incríveis
12 erros que devem ser evitados ao montar um jardim
Você já ouviu falar em kokedama? Aprenda a fazer e inspire-se aqui
Saiba quais são os aromas que atraem boas energias
Como iluminar o jardim e as áreas externas eficientemente
Toalha de mesa antiformiga funciona?

Compartilhe com seus amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *