Decoração, nem sempre o belo é prático

Existem ditados populares, como “nem tudo que reluz é ouro”, ou “as aparências enganam”, que se referem a falsas aparências. Esses mesmos ditos, proximamente, também poderiam se aplicar ao assunto abaixo, sobre decoração e praticidade. Quantas vezes você já se deparou com um ambiente que poderia ser chamado como “de revista”, lindo, impecável, irretocável, porém, que com uma análise mais detalhada, revela que quem o planejou preocupou-se apenas com sua aparência? 

Por: Míriam Roman

Invariavelmente, ao examinar fotos de ambientes decorados ou visitar mostras de decoração, ficamos deslumbrados com os projetos, sugestões e soluções apresentados, porém, ao tentar reproduzi-los em nossa casa, percebemos que muitas vezes esses ambientes são mais bonitos do que práticos.

Sempre que você vir algum item de decoração ou uma solução para um determinado espaço que lhe agradar, antes de tentar levá-lo para sua casa, avalie como isso se adaptará ao seu dia a dia. Certa vez, ao visitar uma mostra de decoração, me deparei com uma sala de jantar onde o piso era todo de pedriscos, deixava o ambiente lindo e todo mundo se encantava. Nessa época, meu filho era pequeno e costumava derrubar comida no chão durante as refeições, fiquei pensando em como faria para limpar esse piso diariamente, evitando assim o acumulo de sujeira, provavelmente ele se transformaria em um paraíso para formigas e outros insetos, que seriam atraídos. Por ter lembrado desse momento é que resolvi escrever esse texto, procurando citar algumas coisas que, na minha casa, nunca serão práticas. Ressalto que cada pessoa tem sua realidade, portanto o que pode ser bom para alguém pode ser péssimo para outra pessoa.

Cozinhas brancas – Eu sou uma pessoa atrapalhada, sempre faço sujeira quando estou cozinhando, derramo líquidos por tudo, quebro alguns utensílios, às vezes me machuco. Isso faz parte de mim. Adoro cozinhar e acho que obtenho bons resultados, mas sempre à custa de muita bagunça. Sem falar nos meus cachorros que têm pleno acesso a praticamente toda a casa, o que pode significar pisar na grama molhada e depois entrar em casa. Por isso, cozinha branca ou piso branco não é prático para mim. Prefiro os pisos mais escuros ou manchadinhos e a cozinha com acabamento em fórmica imitando madeira.

Excesso de almofadas – Almofadas quase sempre são muito bem vindas, para colorir o sofá ou a cama e para usar como encosto ou apoio. Porém, muitas almofadas quase sempre atrapalham. Quando colocadas sobre o sofá, as pessoas sentam e não conseguem ficar bem acomodadas. Quando sobre a cama, muitas almofadas transformam um suplício fazer e desfazer uma cama, se você já passou por isso ao chegar cansado em casa e precisando de uma boa soneca, sabe ao que estou me referindo. Isso sem considerar o trabalho de encontrar um lugar para colocá-las quando não estão sobre a cama ou sofá. Prefiro poucas, suficientes para decorar e auxiliar em caso de necessidade, pois assim assumem sua verdadeira função de enfeitarem e serem práticas.

Bibelôs ou enfeites sobre a mesa de uma forma exagerada – Eu acho lindas as mesas que se destacam por conter muitos enfeites sobre elas, mas não acho nada prático. Toda mesa, seja de canto, centro ou jantar, está ali para cumprir alguma função além da decorativa, se ela estiver muito ocupada com enfeites não sobrará espaço para usá-la. Isso também atrapalha a limpeza e facilita e quebra dos enfeites que deverão ser manipulados com frequência. Prefiro enfeites em prateleiras ou armários com portas de vidro. Para as mesas, prefiro poucos objetos e resistentes para sobrar espaço ao que ela realmente se destina, como colocar copos, celulares, e outros objetos sobre elas.


Armários abertos – Eu moro em uma cidade muito arborizada, de natureza exuberante. Por isso prefiro armários fechados. Tentei ter armários abertos, mas muitas vezes caíam insetos mortos sobre as louças armazenadas neles. Também os itens pouco utilizados acabavam acumulando pó sobre eles, o que exigia que fossem lavados sempre que fossem necessários. Além disso, não sou uma pessoa muito organizada, meus armários nunca ficam iguais aos das revistas. Portanto prefiro armários com portas, acho mais práticos e higiênicos.


Tapetes peludos – Acho os tapetes peludos lindos. Sempre que vejo um tenho vontade de me deitar nele, imagino que seja acolhedor e acho que deixam o ambiente muito agradável. Porém, assim como muitas pessoas, tenho alergia respiratória, além disso moro em uma casa com vários animais domésticos e jardim, terra e pelos são itens constantes em uma casa assim, portanto prefiro os tapetes mais baixos, que são mais fáceis para limpar e podem ser lavados em casa mesmo, com alguma frequência. Tapetes peludos são um paraíso para ácaros, pulgas e outros insetos que podem infestar uma casa, se você é fã desses tapetes e tem em sua casa, tenha atenção redobrada com a sua higienização. 

 
Mesa de canto ou canto alemão – Como conceito acho ótima essa mesa e ela é excelente para aproveitamento de pequenos espaços. Mas acho extremamente incômoda para entrar e sair, quem se senta no canto, principalmente, precisa que todos os outros se levantem para que possa sair. Esse tipo de móvel quase sempre causa uma dúvida em quem vai se sentar: O que é pior? Sentar-se no canto a não precisar buscar nada, mas depender dos outros para tudo, ou, sentar-se nas pontas e ter liberdade para entrar e sair, mas ter que ser sempre quem busca tudo o que faltou para a refeição? 

Texto escrito por Míriam Roman, decoradora e proprietária da loja Kamari, especializada em cama, mesa, banho e decoração.

Se você gostou desse assunto, provavelmente também vá gostar dessas postagens:
Dicas de decoração de quarto de casal
A importância da colcha na decoração do quarto
Bom gosto, você tem?
Cozinhas Americanas – Ideias e Dicas
Inspire-se com esses móveis multifunção, que aproveitam melhor os pequenos espaços
Vasos autoirrigáveis
32 ideias de lareiras externas
Você mora em uma casa ou um lar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *