DIY – A tapeçaria como hobby

Como já publicamos diversas vezes aqui no blog “Lar, Doce Lar”, os hobbies são parte integrante de nossas vidas, e, escolher um que seja adequado ao nosso estilo de vida, nossos gostos e ao tempo que temos disponível para ele são fundamentais para sentirmos aquela sensação de prazer que ele nos traz.

Nessa postagem vamos publicar o texto que recebemos da Maria Clarice, leitora do blog e apaixonada por tapeçaria, que escolheu como hobby, e que acabou virando um hobby familiar.

Leia abaixo o seu relato…

Ao ler sobre hobbies no blog “Lar, Doce Lar”, não resisti e decidi escrever sobre um de meus hobbies, a tapeçaria. Comecei a praticar esse hobby por acaso, comprei um kit para fazer um tapetinho de telefone para dar de presente e, como adoro fazer coisas novas, decidi comprar um para mim também. Gostei tanto que meu próximo projeto foi uma tapeçaria para a parede. Comecei a comprar revistas de tapeçaria e já fiz vários tapetes.

Eu optei por trabalhar com o ponto Barroco ou Casa Caiada, é um ponto parecido com o ponto cruz de bordado, só que, em vez de todos os pontos inclinarem para o mesmo lado, cada ponto inclina para o lado oposto do ponto anterior, assim, quando fecha um quadrado de 4 pontos, forma uma pequena flor.

 
Para mim a tapeçaria é um hobby ótimo para descansar a cabeça. Você tem que desligar totalmente e só se concentrar no que está bordando. O planejamento do tapete é um processo que, as vezes, é rápido e outras bem demorado. Passo dias olhando revistas até escolher o que vou bordar. Depois tem que ver se tenho as lãs, o que vou comprar e se vou trocar alguma cor do desenho por outra. A fase do desenho do tapete então, é a que exige mais, porque tem que transferir um desenho em quadradinhos para a tela onde o tapete será bordado. Tem que contar quadradinhos no papel e na tela, exige concentração total. Ver o tapete tomando forma, com desenhos simples ou intrincados, coloridos é uma sensação muito boa. Bordar o tapete é o processo mais demorado, alguns que eu faço levam anos para ficarem prontos, pois como faço isso como hobby, é um pouquinho por dia. Quando o tapete fica pronto e é posto em uso, o orgulho de dizer “eu que fiz” é enorme.

Esse hobby acabou sendo adotado por meu marido e meu filho também. Temos alguns tapetes que criamos até o desenho, podemos dizer que são únicos. Na verdade, mesmo os copiados de revistas são únicos, porque sempre tem um errinho que só a gente nota, uma alteração de desenho ou cor que fazem com que sejam diferentes de qualquer outro.

Se você ainda não têm um hobby, leia também o texto “A importância de ter um hobby“, que publicamos aqui no blog.

Se você gostou desse assunto, provavelmente também vá gostar dessas outras postagens:
DIY – Você curte jardins verticais?
DIY – Almofadas bordadas
DIY – Oba, o macramê voltou! Selecionamos 11 ideias lindas
A importância da adubação de hortas e jardins
Sugestões de Presentes Criativos
Por que o Desodora funciona?

Um comentário em “DIY – A tapeçaria como hobby

  1. Margareth disse:

    Os tapetes são lindos. Também aprendi a fazer e adoro. É uma grande terapia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *