5 dicas para diminuir o ruído dentro de casa

Morar em meio a natureza, ouvindo o som do vento nas árvores, o canto dos pássaros e a água corrente é o sonho de consumo de quase todo mundo. Porém, como nem sempre isso é possível, principalmente nas grandes cidades, o que acabamos ouvindo é o barulho de carros, vizinhos, latidos de cachorro, gritos, sirenes, etc. Esses ruídos acabam gerando um grande incômodo e desconforto no dia-a-dia, culminando em noites mal dormidas, stress e cansaço.

Para tentar minimizar esse problema, existem algumas técnicas utilizadas na decoração que ajudam a absorver o excesso de ruído proveniente do exterior da residência.

Se você tem esse problema, leia as dicas abaixo, elas certamente ajudarão na redução desses ruídos que chegam até o interior de sua casa.

1 – Se o ruído gerado externamente é muito alto, substitua as janelas tradicionais por janelas com vidros duplos. Essas esquadrias são muito bem vedadas e fornecem isolamento térmico e acústico, reduzem em até 50% os sons vindos do exterior. O isolamento é obtido através de uma câmara de ar que se forma entre os vidros. Existem várias opções disponíveis no mercado, feitas em PVC ou alumínio e tem modelos que imitam madeira. Existem versões que abrem de diversas formas, em folhas, de correr, basculantes, etc, enfim, há uma grande variedade de modelos, certamente algum deles se adaptará a sua necessidade.

Caso você more em um prédio muito antigo onde não seja possível substituir externamente as esquadrias, pois os modelos disponíveis são incompatíveis com os da fachada do edifício, existe a opção de colocar mais uma camada de vidro por dentro das janelas, formando duas janelas independentes. 

2 – Coloque borrachas de vedação nas extremidades das portas e janelas para isolar o som que vem do lado de fora de cada peça que você queira deixar mais silenciosa. As borrachas de vedação também evitarão o barulho de portas batendo. Se as portas interiores da casa forem ocas e o barulho ultrapassá-las facilmente, substitua-as por portas compactas, pois essas absorvem muito mais os ruídos do ambiente.

 
3 – Utilize tecidos, eles são excelentes para absorver sons. Use e abuse de tapetes ou carpetes em vários pontos da casa, ela ficará muito mais silenciosa, colorida, acolhedora e aconchegante. Inclusive, se você é um gerador de barulho para seu vizinho de baixo e tem problemas com isso, carpete ou piso flutuante, com uma camada isolante, será uma ótima solução para resolver essa situação.

As cortinas são uma excelente barreira para manter o ruído fora da casa. Certifique-se que as suas cortinas cobrem a parede acima e abaixo da sua janela. Se o nível de ruído for muito alto, utilize cortinas com forro. Quanto mais abundante o tecido, mais o som será absorvido. Utilize cortinas mesmo que sua janela tenha veneziana ou persiana, o tecido dela vai diminuir muito o som que provém de fora da casa. Além disso, as cortinas absorvem o eco dos ruídos internos.

4 – Sempre que possível, utilize o mobiliário para isolar o som colocando as peças de maior dimensão junto das paredes de onde chegam níveis de ruído mais elevados. Estantes de livros e guarda-roupas são ótimos obstáculos para o som. Coloque-os junto às paredes externas, ao redor e abaixo das janelas, ou na parede interna de onde vem mais barulho.

5 – Se você tem problemas com o ruído proveniente do vizinho do andar de cima, rebaixe seu teto com gesso e coloque uma camada de lã de rocha entre o teto e o gesso. A lã de rocha e um ótimo isolante acústico e é muito usada dentro de paredes de gesso. Se for mexer no gesso, aproveite e capriche na distribuição da iluminação e incremente a decoração do ambiente. Leia o artigo sobre iluminação que postamos aqui: Dicas para iluminação 

Se você gostou dessas dicas, provavelmente também vá gostar dessas:
Dicas de decoração de quarto de casal
Decoração, acerte nas cores
Bom gosto, você tem?
Cozinhas Americanas – Ideias e Dicas
5 plantas para cultivar dentro de casa
Vasos autoirrigáveis
32 ideias de lareiras externas
Você mora em uma casa ou um lar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *