Você sabe qual o destino do lixo que você gera?

Acredite, a geração de lixo no Brasil aumentou cinco vezes mais que a taxa de crescimento da população entre 2003 e 2014. Não vamos citar os números absolutos porque eles são maçantes e tão grandes, que nem conseguimos imaginar. A quantidade de lixo destinado adequadamente não acompanhou nem de perto esse crescimento assustador. Você está fazendo alguma coisa, ou pensando em fazer para contribuir com a melhoria desses números?

Diante dessa pergunta, você pode responder – “Isso é um problema do governo, não meu” -. Certo, o governo deve acabar com os lixões, construir aterros sanitários, colocar coleta seletiva em todas as localidades, dar condições mínimas de vida para as pessoas que vivem em lixões e cuidar para que o planeta não seja destruído pela poluição. Concordamos plenamente, mas sabemos que essa não é a realidade e provavelmente nunca será em nosso país. O governo não consegue ser eficiente e rápido o suficiente para resolver esse problema.

Nós podemos, com pequenas mudanças em nossos hábitos, contribuir de forma muito mais rápida e eficiente para diminuir a quantidade de lixo gerada atualmente. Se você ainda não separa seu lixo, por comodidade, ou porque não tem coleta seletiva em sua cidade ou bairro, ou ainda por qualquer outro motivo, queremos desafiá-lo a fazer um teste pelo período de uma semana.

Desafio do Blog Lar, Doce Lar!

Separe 3 recipientes para destinar o seu lixo. Um para os recicláveis, outro para os orgânicos, e um terceiro para o restante de lixo que não se encaixa em nenhum desses dois grupos. Apresentaremos abaixo uma tabela para ajudá-lo a entender em que categoria se enquadra cada lixo gerado na sua casa. Você não precisa mandá-los para reciclagem, compostagem ou outro destino por enquanto, apenas separe-os. No final desta semana de experiência, antes de descartar tudo, compare os volumes de cada lixo gerado e verifique quanto de lixo você precisa realmente descartar e quanto pode ser reaproveitado. Agora imagine, se cada casa na sua rua, adotasse esse processo.

Nós duvidamos que, depois de realizar este teste você continue jogando tudo o que descarta no mesmo lixo. Se você mudar seu comportamento e conseguir, aos poucos, convencer seu familiares e vizinhos a fazerem a mesma coisa, certamente poderemos ser mais rápidos que os governantes para minimizar esse sério problema.

 
Se não existe coleta de lixo seletiva onde você mora, deve existir alguma cooperativa de catadores que poderá ir até sua casa, escritório ou condomínio com alguma periodicidade e fazer a coleta do lixo reciclável, entre em contato com eles, afinal seu lixo é dinheiro para eles. Para o lixo orgânico, você pode montar uma composteira em um cantinho disponível em sua casa e produzir o seu próprio adubo orgânico. Composteiras bem feitas não exalam mau cheiro e podem ocupar pequenos espaços, assista esse vídeo feito pela Déborah Rodrigues, do canal Horta e Pomar em Vaso, no youtube, onde ela ensina como montar uma composteira.

Como separar o lixo doméstico?

  • Não misture recicláveis com orgânicos – sobras de alimentos, cascas de frutas e legumes. Coloque plásticos, vidros, metais e papéis em sacos separados;
  • Lave as embalagens do tipo longa vida, latas, garrafas e frascos de vidro e plástico. Seque-os antes de depositar nos coletores. Uma ideia interessante é colocar essas embalagens dentro da pia enquanto lava a louça, depois é só enxaguar e não haverá gasto extra de água;
  • Papéis devem estar secos. Podem ser dobrados, mas não devem ser amassados;
  • Embrulhe vidros quebrados e outros materiais cortantes em papel grosso, como jornal, ou coloque-os em uma caixa para evitar acidentes. Garrafas e frascos não devem ser misturados com os vidros planos.

Vamos lá, aceite nosso desafio e depois nos conte qual foi o resultado. Se você pretende começar a separar seu lixo ou pretende obter mais informações a respeito desse assunto, brevemente pretendemos publicar uma série sobre ele aqui no blog.

Se você gostou desse assunto, provavelmente também vá gostar dessas outras postagens:
15 plantas que protegem a casa e atraem energia positiva
5 plantas para cultivar dentro de casa
DIY – Aprenda a fazer puffs com pneus usados
DIY – ideias incríveis para o reaproveitamento de rolhas
DIY – Ar condicionado sem eletricidade
Por que o Desodora funciona?

Um comentário em “Você sabe qual o destino do lixo que você gera?

  1. Sônia alcantara disse:

    Vou praticar isso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *