A versátil Espada-de-são-jorge na decoração de interiores – 22 ideais para você se inspirar

A Espada-de-são-jorge é tida como uma das planta que mais protege uma casa contra o mau-olhado, assim como outras plantas consideradas protetoras, como a arruda, o alecrim, as pimenteiras e a hortelã, apenas para citar algumas, a Espada-de-são-jorge é muito lembrada como uma planta que não pode faltar em um jardim. Mas se você mora em um apartamento, a boa notícia sobre essa planta, é que, pela sua resistência, pode ser plantada e resiste bem a qualquer ambiente, tanto dentro como fora de casa.

No texto que publicamos aqui no blog “Lar, Doce Lar”, “Plantas super resistentes, saiba quais são – Parte II“, já fizemos referência a essa planta, que está entre as “mais difíceis de matar”, ideais para quem não tem o dedo verde ou não tem muito tempo para se dedicar ao cuidado de um jardim. Planta decorativa, de origem africana, ela é muito resistente e tolera tanto ambientes abertos como ambientes fechados.

A Espada-de-são-jorge, cujo nome científico é Sansevieria trifasciata – também é conhecida em algumas regiões do país como Espada-de-santa-bárbara, Língua-de-sogra, Rabo-de-lagarto e Sanseviéria -, que é tradicionalmente utilizada na África e no Brasil como proteção para casas e comércios, ultimamente também pode ser vista cumprindo essa função em alguns países da Europa.

A crença comum é que ter um vaso de Espada-de-são-jorge ao lado da porta protege contra quem fala mal dos habitantes da casa, ajuda a trazer mais motivação e garra para enfrentar os problemas, ajuda a acabar com discussões e brigas, além de dissipar a energia pesada em ambientes de conflitos.  De concreto, sabe-se que, segundo pesquisas efetuadas pela NASA, essa planta tem o poder de limpar o ar de um ambiente de gases tóxicos, tais como:  benzeno, xileno, formaldeído, tolueno e tricloroetileno.

Mas, depois dessa longa introdução, vamos abordar realmente o assunto no qual o título dessa postagem sugeria, que é a utilização da espada-de-são-jorge como um item decorativo. A mesma versatilidade que essa planta possui para adaptar-se a praticamente todos os fatores climáticos, pode ser aplicada na decoração de ambientes internos, pois combina com os mais diversos estilos de decoração.

Selecionamos 22 ideias de como ela pode ser aplicada na decoração. Em diversos ambientes e em estilos diferentes, confira abaixo. 

 

Gostou dessas dicas? Então provavelmente você também vá gostar dessas outras postagens:
Cachorros e Jardins Combinam?
Orquídeas, como cuidar?
10 motivos para usar vasos autoirrrigáveis
A importância da adubação de hortas e jardins
Plantas super resistentes, saiba quais são – Parte I
12 erros que devem ser evitados ao montar um jardim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *