Razões pelas quais você deveria considerar fazer ioga

É verdade que para a maioria das pessoas o ioga pode não parecer o exercício físico mais intenso – na verdade, em sua maioria de formas e vertentes realmente não é – e que provavelmente não é a primeira coisa que vem à mente quando alguém está pensando em qual exercício físico fazer. Geralmente as pessoas associam exercícios físicos a impacto, imaginam que quanto mais impacto maiores os resultados alcançados.

A realidade é que ter um estilo de vida saudável (ou fit, palavra da moda) é, na verdade, sair da sua zona de conforto – e existem várias boas razões pelas quais você deveria considerar incluir o ioga na sua rotina. Isto porque o ioga adota uma rotina de, aos poucos, levar o seu corpo e a sua mente a desafiar os seus limites físicos e psicológicos, avançando lentamente, alguns milímetros por dia, em posições que para o observador não parecem exigir muito do corpo. Entretanto, através da execução das técnicas e das posições você está estimulando o seu corpo a se aperfeiçoar, lentamente, sem jamais colocá-lo em risco com movimentos bruscos ou com cargas que ele certamente não tem capacidade para suportar.

Assim, o ioga é uma excelente escolha principalmente para pessoas que já fazem algum outro tipo de exercício físico, pois sua prática lhe dará maior elasticidade e resistência muscular. Além disso existem outras razões para fazer ioga regularmente, veja quais são elas:

  • Aumento de produtividade: ao adicionar ioga à sua rotina de exercícios você pode acabar se tornando mais produtivo no trabalho. De acordo com um estudo recente conduzido pelo Centro de Controle de Doenças americano (o Center for Disease Controland Prevention – CDC) com 85.000 trabalhadores americanos, as intervenções de ioga no local de trabalho aumentaram a qualidade de vida para os trabalhadores e reduziram a incidência de doenças resultantes da fadiga;
  • Redução dos efeitos do estresse: muitos dos benefícios no local de trabalho também podem ser atribuídos à redução do estresse. Um estudo publicado no periódico Immunology descobriu que as pessoas que praticam ioga acabam suprimindo a ativação de determinados genes que causam inflamação, que é uma resposta comum do nosso corpo para situações de estresse. Além disso, a prática de ioga melhora a forma como seu corpo responde ao estresse, pois reduz a sua frequência cardíaca, pressão sanguínea e melhora a sua respiração;
  • Melhora da qualidade do sono: se você luta contra a insônia ou simplesmente não consegue dormir com facilidade à noite, o ioga pode ser o remédio que você esteja precisando. Estudos recentes comprovaram que participantes que faziam ioga tinham menos ocorrências de distúrbios do sono e que precisavam de menos tempo de repouso para dormir. Para os pesquisadores, isso pode ser explicado em razão da consciência corporal que você desenvolve ao fazer os exercícios de ioga;
  • Melhora da mobilidade e postura: muitas vezes pessoas jovens já enfrentam problemas com articulações e músculos rígidos e doloridos. Isso ocorre quando as pessoas ficam muito tempo sentadas ou repetem os mesmos movimentos diariamente. Também pode ser resultado da sua rotina na academia – se você não está compensando os exercícios que está fazendo adequadamente os seus grupos musculares ficarão em desequilíbrio. Assim, a prática do ioga, ao forçar suas articulações e músculos, permitirá que seu corpo atinja melhor o balanço, contribuindo para que você sofra menos com dores pelo corpo e tenha uma postura melhor durante o dia.

A propósito, outra polêmica sobre o ioga é como esse exercício deve ser escrito e pronunciado corretamente. Na verdade não existe uma forma correta. Na língua portuguesa é “o ioga” (com o “o” aberto), porém, sua grafia original, proveniente do vocabulário sânscrito é “o yoga”. A ainda quem escreva “o yôga” e pronuncie assim mesmo para que a pronúncia fique parecida com a da língua inglesa. Em resumo, você pode escrever e pronunciar como preferir, que não vai estar ofendendo nenhum praticante que conhece o assunto.

Leia também
Para sermos saudáveis precisamos criar hábitos
5 dicas para quem trabalha muito tempo sentado
Será que devo fazer exercícios físicos em casa?
10 hobbies que melhoram a inteligência
10 coisas para fazer nos 10 primeiros minutos do dia
Por que o Desodora funciona?
Por que boicotamos nossos planos de exercícios e de dietas?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *