Como replantar temperos comprados frescos

Você sabia que vários temperos que compramos nas feiras ou supermercados podem ser replantados? Podemos consumi-los por várias vezes com uma só compra.

Muitos temperos que compramos podem ser replantados, temporariamente ou em definitivo, veja alguns exemplos e como proceder para mantê-los vivos e passar a consumir temperos sempre frescos, naturais, orgânicos e saudáveis.

Como replantar cebolinha

Ao separar o bulbo (ponta branca com as raízes) da folha, que é a parte que aproveitamos em nossa comida, preserve junto com o bulbo uns 2 centímetros de folha verde. Acomode os bulbos em um copo com água suficiente para cobrir a parte branca e coloque-o em um local ensolarado, trocando a água a cada 2 dias. Em cerca de uma semana começará a brotar .

Você pode manter esse sistema de reaproveitamento por muito tempo utilizando somente água, se a partir da primeira colheita adicionar adubo orgânico à água. Se preferir, pode transferir sua plantação de cebolinhas para vasinhos com terra, neste caso terão uma durabilidade muito maior, veja abaixo duas opções de hortas autoirrigáveis prontas que as lojas parceiras do blog “Lar, Doce Lar”, Inova Store e Kamari comercializam. Você também pode fazer seus próprios vasos autoirrigáveis, ensinamos como fazê-los aqui.

Hortinhas Autoirrigáveis – Kamari

Hortas Autoirrigáveis – Inova Store

 

 

 

 

 

 

Como replantar manjericão

Quem não adora aquele cheirinho de manjericão? Ter manjericão plantado em casa é a certeza de um aroma agradabilíssimo. Para replantar o manjericão comprado fresco, separe alguns galhos e tire as folhas mais debaixo, que podem ser aproveitadas na comida, deixe apenas as folhas do topo do galho e corte-o com uma altura suficiente para que as folhas fiquem acima da altura de um copo. Coloque os galhos em um copo com água, deixe-o em um lugar ensolarado trocando a água a cada 2 dias.

Diferentemente da cebolinha, que ensinamos a replantar acima, o manjericão não poderá ficar para sempre na água, ele formará raízes, que começarão a surgir em alguns dias. Quando as raízes atingirem cerca de 2 centímetros as mudinhas do manjericão deverão ser transferidas para um vaso com terra ser e colocado novamente em um local ensolarado. Os vasos autoirrigáveis, que mencionamos também acima, são perfeitos para eles.

Como replantar hortelã

O replantio da hortelã segue os mesmo passos do replantio do manjericão. Separe alguns galhos e tire as folhas mais debaixo, deixe apenas as folhas do topo do galho e corte-o com uma altura suficiente para que as folhas fiquem acima da altura de um copo. Coloque os galhos em um copo com água, deixe-o em um lugar ensolarado trocando a água a cada 2 dias.

Quando as raízes atingirem cerca de 2 centímetros a hortelã já pode ser transferida para um vaso com terra, que não pode ser colocado em sol a pleno, pois suas folhas desidratam muito facilmente. A terra da hortelã nunca deve secar, mantenha-a sempre úmida. Se você colocá-la em vasos autoirrigáveis observará que ela consome muita água.

Como replantar alecrim

O replantio da alecrim segue os mesmo passos iniciais do replantio do manjericão e da hortelã. Depois de transferido para o vaso com terra pode ficar no sol a pleno, adapta-se muito bem. Não encharque demais a terra com água, alecrim gosta de terra mais seca.

Esses são os temperos mais populares no Brasil, mas, assim como eles, também pode ser replantados coentro, alho poró, alface romana, aipo, erva cidreira, cebola, gengibre, enfim, se você tem um tempero preferido e que compra fresco, verifique se não pode mantê-lo plantado em sua casa.

Se você gostou desse assunto, provavelmente também vá gostar dessas outras postagens:
Vasos autoirrigáveis
5 plantas para cultivar dentro de casa
+ 7 plantas para cultivar dentro de casa
A importância da adubação de hortas e jardins
Como alegrar sua casa usando plantas na decoração
Por que o Desodora funciona?

Um comentário em “Como replantar temperos comprados frescos

  1. aladi dos santos alves gonczi disse:

    muito boa essas ideias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *