Como cultivar babosa (aloe vera)

Compartilhe...
Tempo estimado para leitura: 5 minutos

Babosa

O cultivo doméstico de babosa geralmente é feito em vasos dentro de casa. Mas isso não significa que não é possível cultivar babosa de outras formas.

A babosa ganhou popularidade porque o gel de suas folhas vem ganhando cada vez mais espaço em produtos de cuidados e beleza. Por exemplo, é possível produzir uma pomada calmante para a pele a partir dela.

Na realidade, babosa é seu nome popular, quando ela é utilizada como ingrediente em produtos de saúde e beleza, ela é comumente listada como Aloe vera.

Curiosidades sobre a babosa

Existem mais de 400 espécies de babosa no mundo. Entretanto aqui no Brasil, existem três espécies predominantes, a mais cultivada é a Aloe Vera (ou Aloe barbadensis), as outras duas são a Aloe maculata e a Aloe arborescens.

A aloe vera tem folhas grossas e suculentas e seu interior é de um gel aquoso. Suas folhas crescem da base da planta, em roseta, e possuem bordas irregulares com espinhos flexíveis.

Ela é uma suculenta que cresce rapidamente e leva de três a quatro anos para atingir o tamanho adulto.

Suas flores são pontiagudas e surgem em caules altos, em tons de amarelo, vermelho ou laranja. As plantas jovens geralmente não florescem.

Quando cultivada como planta de casa, a babosa pode levar anos para produzir um talo de flor, ou, algumas vezes não chega a produzir.

Popularmente ela é muito usada emergencialmente sobre queimaduras e picadas para aliviar os sintomas.

Quais os usos para a babosa?

Como já explicamos anteriormente, ela também é muito utilizada na indústria de cosméticos e produtos de saúde e beleza, principalmente quando associados à pele e cabelo.

Existem muitos mitos sobre a babosa e também muitas pessoas que utilizam a babosa errada ou de forma errada.

A babosa mais utilizada em produtos pela indústria farmacêutica e cosmética é a Aloe Vera (“vera” significa “verdadeira”).

Entretanto ela não é a mais usada por ser a ideal, mas sim por ser a que possui mais gel para ser extraído. A babosa mais estudada e que mais benefícios oferece é a Aloe arborescens.

Se você quiser diferenciar uma da outra é fácil, a Aloe barbadensis cresce para os lados, formando uma coroa e tem as folhas mais largas e compridas.

Enquanto a Aloe arborescens cresce para cima, como se fosse uma árvore, além disso ela tem as folhas mais finas.

Aloe arborescens

É importante ressaltar também que a Aloe Vera (ou Aloe barbadensis) não pode ser ingerida, ela só pode ser utilizada em produtos cosméticos de uso externos. Inclusive o seu consumo é proibido pela Anvisa.

Aloe barbadensis

Enfim, vamos descobrir como cultivar babosa?
Cuidados com a babosa

A babosa se desenvolve melhor em um solo arenoso ou cascalho. Portanto, quando cultivada em um jardim ao ar livre é melhor plantá-la junto com outras plantas com necessidades semelhantes.

Quando plantada em vaso, utilize um solo arenoso e bem drenado, coloque-a no centro do vaso de forma que ela se transforme em um ponto focal, pois sua beleza está na forma como suas folhas se distribuem.

Se você for cultivar babosa em vaso, os melhores lugares para que ela se desenvolva bem, são decks, sacadas ou pátios, onde ela receberá bastante iluminação.

Sua floração ocorre entre o final da primavera e o início do verão. Para que isso ocorra a planta precisa ser adulta e em condições ideais para florescer.

Além disso, a babosa pode não florescer se suas folhas forem colhidas regularmente.

Ela precisa ficar em um lugar bem claro, mas com luz solar indireta. Isso porque o sol a pleno pode queimar suas folhas macias, que são recobertas por uma camada fina e sensível.

Qual o solo ideal para a babosa?

Como já citamos anteriormente, o solo da aloe vera precisa ser bem drenado. Em seu habitat natural ela geralmente cresce em encostas de montanhas para garantir uma boa drenagem.

Para proporcionar essa mesma drenagem em um vaso, você pode usar um solo especial para vasos de cactos (ou suculentas) ou então misturar um pouco de perlita ou areia grossa e fazer sua própria mistura.

A babosa não requer muita fertilização ou adubação, uma suplementação de nutrientes no início da primavera é suficiente para ela.

Quanta água a babosa precisa?

A babosa resiste bem à seca, entretanto prefere ser regada regularmente, mas, ainda assim é possível deixar o solo secar completamente entre as regas.

Se a planta ficar seca por muito tempo, suas folhas murcharão e enrugarão levemente.

Apesar da babosa se recuperar rapidamente quando regada, o estresse prolongado, seja por excesso de água ou falta, deixará suas folhas amareladas ou mortas.

Portanto, uma coisa que você precisa evitar é o excesso de regas, principalmente no inverno, quando a planta fica em estado de dormência.

Qual a temperatura ideal para a babosa?

A babosa prefere temperaturas entre 13 e 30ºC, mas resiste bem a temperaturas baixas de até 4ºC. Entretanto é uma planta que não tolera geadas.

Portanto, se você for cultivar babosa em um local aberto, proteja-a de qualquer possibilidade de geada. Se você não conseguir levá-la para um local protegido, cubra-a com lençóis ou cobertores para mantê-la aquecida.

Babosa em vaso

Quando podar a babosa?

Quando as folhas externas da babosa ficarem com pontas marrons, você deve fazer a poda. Para isso, use tesouras de jardim limpas.

Você pode optar por simplesmente cortar a área afetada da folha ou podar a folha inteira perto da base da planta, pois isso estimulará um novo crescimento.

A pode deve ser feita sempre nas folhas mais externas. Nunca pode as folhas do centro da planta.

Como propagar a babosa

A babosa pode ser propagada por sementes, mas é mais fácil usar os rebentos – aquelas brotações que surgem e se desenvolvem na base da planta.

Para isso, quebre cada ramo, certificando-se de que haja algumas raízes presas nele. Replante os ramos separadamente.

Como plantar babosa em vaso

A babosa tem um sistema radicular raso, ou seja, as raízes se espalham próximas da superfície. Por isso, na medida que a planta cresce ela precisa ser replantada para um vaso mais largo, em vez de um mais profundo.

Pragas e doenças comuns da babosa

A babosa atrai cochonilhas, escamas e ácaros. Para livrá-la das cochonilhas, pulverize a planta com água e use um pano macio para a retirada. Você pode combater os ácaros cortando as partes infectadas.

Para combater as escamas, prepare uma mistura de 1 colher de sopa de sabão inseticida, 1 xícara de álcool isopropílico e 1 xícara de água. Pulverize as escamas com esta solução a cada três dias durante 14 dias.

Por último, sempre é bom lembrar. Observe sempre se sua planta está saudável, ao perceber qualquer problema, procure resolver imediatamente. Afinal, cultivar babosa é uma arte.


Leia também:
Como cultivar pitaya
Quais as plantas mais fáceis de cultivar dentro de casa?
Como plantar e como cuidar de Lírios de Calla? Saiba tudo sobre essa linda flor…
Tudo sobre tulipas. Aprenda também como cultivar tulipas em vasos
Saiba tudo sobre a magnólia
Como cuidar da planta fantasma

Compartilhe...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *