5 maneiras caseiras para se livrar dos ácaros

Quem tem problemas respiratórios – ou convive com alguém que tenha – sabe como os ácaros podem dar muita dor de cabeça (literalmente). Muitas pessoas apresentam quadros graves de alergia provocados pela presença dos ácaros no ambiente, principalmente no sistema respiratório e na pele. Estima-se que 30% da população mundial sofra com crises de asma e/ou rinite causadas pela presença de ácaros nos ambientes.

Mas o que são ácaros? Ácaros são animais invertebrado minúsculos, invisíveis a olho nu, que se parecem muito com carrapatos e são parentes dos aracnídeos. Há quem afirme que existem mais de 50 mil espécies de ácaros no mundo, sendo encontrados tanto na natureza como dentro das casas e apartamentos.

Os ácaros domésticos costumam se estabelecer entre as fibras dos panos e tecidos, como tapetes, travesseiros, sofás, colchões, bichinhos de pelúcias, cobertores e almofadas. Para se ter uma ideia, um metro quadrado de carpete pode conter até 100.000 ácaros. Quanto mais úmido é um local, melhor para eles, pois torna-se mais adequado para se proliferarem. Existem estimativas de que após 2 anos de uso 10% do peso do seu colchão equivale a ácaros – e, que neste mesmo período de dois anos, 30% do peso do seu travesseiro seja formado por eles.

Isso acontece porque os ácaros se alimentam de escamas de pele humana e de animais que se acumulam nestes tecidos. Assim, os ácaros também produzem grandes quantidades de excrementos, que são então aspirados por nós quando entramos em contato com estes tecidos. Estes excrementos, em contato a mucosa do corpo, estimulam a atuação do nosso sistema de defesa, que libera uma substância chamada histamina e que é responsável por desencadear os sintomas da alergia.

Visto dessa forma, isso é realmente muito nojento, não é mesmo? Portanto, a seguir listamos algumas maneiras de reduzir a presença de ácaros na sua casa.

  1. Remova todas as roupas de cama e lave-as em água quente, em temperatura superior a 55ºC. Isso deve incluir todos o seu jogo de roupas de cama, como lençóis, fronhas, edredons, cobertores e protetores de colchão. Se possível, seque a roupa de cama em secadora. Apenas tome alguns cuidados, pois alguns materiais podem encolher se expostos a temperaturas mais altas. Quanto aos travesseiros, dê preferência pelos que podem ser lavados na máquina de lavar roupa e evite travesseiros de plumas ou de ervas aromáticas;
  2. Torne-se o melhor amigo do seu aspirador de pó: tente comprar um aspirador de pó que utilize filtro HEPA (High Efficiency Particulate Arrestance), pois este modelo certamente irá sugar resíduos e ovos de ácaro. Estes filtros são ótimos e podem durar por até 1 ano, mesmo com uso contínuo. Use o aspirador para aspirar todas as áreas da sua casa, principalmente as que contenham carpetes e tapetes;
  3. Controle a umidade dos ambientes: os ácaros amam ambientes úmidos. Se você tem peças pouco arejadas e que recebem pouca luz, ou vive em um local muito úmido, considere adquirir desumidificadores. O nível de umidade que você deve almejar é de menos de 50%;
  4. Cuidado com os pelos dos animais de estimação: tente escovar o seu animalzinho diariamente. Com o auxílio de uma escova apropriada, escove o pelo sempre em todos os sentidos para garantir que conseguirá remover o máximo de pelos soltos possível. Existem também luvas que facilitam a retirada de pelos dos animais de estimação, como a True Touch, comercializada pela Inova Store, parceira do blog “Lar, Doce Lar”. Se seus animais costumam sair da casa, sempre limpe o pelo de suas patinhas com um pano úmido antes de deixar que eles entrem novamente, para evitar que tragam sujeiras da rua que acabarão se acumulando nos seus tapetes, carpetes e roupas de cama. Aspire as áreas que seus pets costumam se deitar mais com frequência;
  5. Congele as pragas: os ácaros não sobrevivem temperaturas acima de 54ºC e nem temperaturas muito baixas. Por isso, você pode congelar objetos para se livrar de ácaros, como travesseiros e bichos de pelúcia. Para isso, basta colocar a pelúcia ou o travesseiro em um saco plástico fechado, removendo o máximo de ar possível, e deixar no freezer por cerca de dois dias.

Se você gostou das dicas acima, provavelmente também vá gostar dessas:
Como livrar-se do mofo de uma forma fácil e para sempre
Porque o Desodora funciona?
Toalheiro térmico vale a pena?
As incríveis utilidades do vinagre branco
10 alimentos que podem ser usados como produtos de limpeza
Como cuidar dos seus sapatos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *