Explicando os comportamentos curiosos dos gatos

Compartilhe...
Tempo estimado para leitura: 7 minutos

Juntamente com os cachorros, gatos são os animais de estimação mais populares de todo o mundo. São muito brincalhões, muito mais independentes do que os cachorros, curiosos e teimosos, mas ainda assim são amorosos e sabem demonstrar o seu afeto.

Os gatos muitas vezes fazem coisas que nós temos dificuldade em entender o motivo. Em geral a causa subjacente para esses comportamentos está relacionada a instintos que sobraram de seus ancestrais selvagens.

Isso mesmo, apesar de terem sido domesticados, os nossos felinos ainda trazem consigo as características dos gatos selvagens, são fortes, extremamente ágeis, dotados de muitos reflexos, têm os sentidos apurados e nunca perderam o instinto de caça.


Os gatos têm um instinto muito forte e isso é o que comanda a maioria das suas ações. Vamos tentar entender então, porque os gatos algumas vezes têm um comportamento que se caracteriza por ser peculiar e individualista e fazem coisas que até então, para nós, são um enigma?

Porque os gatos sentam sobre caixas ou adoram entrar nelas?

Os gatos parecem adorar sentar em caixas, não importa onde estejam. Acontece que quando os gatos exploram algo, é porque estão a procura de um potencial esconderijo.

A experiência de pular e deslizar em uma caixa pode ressoar com seu instinto de encontrar espaços protegidos na natureza, de onde eles possam observar o ambiente ao seu redor sem serem vistos.

Portanto, disponibilizar caixas e outros itens semelhantes para o seu gato subir ou entrar é uma maneira econômica de enriquecer o ambiente doméstico para ele.

Procure esconder brinquedos nesses espaços, mas sempre certifique-se de que o ambiente seja seguro para o seu gato e que ele possa facilmente retirar os brinquedos da caixa.

Porque os gatos sentam sobre equipamentos eletrônicos?

Os gatos costumam sentar em cima ou muito perto de equipamentos eletrônicos, como computadores e televisões, porque eles são quentes e têm imagens estimulantes em suas telas.

Os gatos são animais muito curiosos. É pouco provável que um gato possa ver exatamente o que vemos em uma tela, mas o simples movimento na tela pode despertar sua curiosidade natural.

Outra razão pela qual seu gato pode estar sentando na frente da sua televisão pode ser porque ele quer interação e atenção sua e está tentando atrapalhar a atenção que você está dando ao dispositivo.

Uma boa maneira de testar essa hipótese é observar se o seu gato passa tanto tempo perto ou sobre um dispositivo quando você não está se envolvendo com ele.

Observe também se quando seu gato está perto de uma tela ligada ele está prestando atenção à ela para entender qual o seu objetivo com esse comportamento.



Porque os gatos ficam correndo no meio da noite?

Os gatos são animais noturnos, por isso é natural que sejam mais ativos à noite, isso é mais uma atitude instintiva. Além disso, como muitas vezes não estamos em casa durante o dia, eles passam muito tempo dormindo nesses horários.

Mesmo que seu gato seja solitário durante o dia, você pode ajudar a aumentar o seu nível de atividade nesse período, fornecendo-lhe brinquedos de alimentação envolventes ou estabelecendo uma rotina de brincadeiras antes de sair de casa e depois de retornar.

Também antes de ir dormir, procure brincar com seu gato para ajudá-lo a gastar a energia acumulada para que ele possa descansar mais à noite. Uma rotina de alimentação que forneça aos gatos mais energia durante o dia em vez de à noite também pode ajudar a diminuir esse comportamento.

Porque os gatos roubam objetos?

Alguns gatos roubam praticamente qualquer objeto que esteja ao seu alcance. Se é o caso do seu gato e se ele recebe atenção de você por roubar essas coisas – mesmo que seja uma atenção de repreensão – isso pode incentivá-lo a continuar agindo dessa forma.

Outra possibilidade é que seja uma forma dele brincar. Se você acha que esse é o caso, procure oferecer outra coisa para o seu gato fazer, como encaixar peças, brinquedos ou, melhor ainda, estabeleça uma rotina de brincadeiras. Isso pode aliviar qualquer tédio que possa estar acometendo seu bichinho.

O roubo também pode estar relacionado à textura do objeto. Seu gato pode gostar da sensação na boca de diferentes texturas e procurar por estímulos em um ambiente que não fornece alternativas suficientes.

Outra possibilidade é que seu gato esteja passando por estresse e esteja roubando coisas que o ajudam a se acalmar. Comportamentos como mastigar lã, por exemplo, já foram observados em alguns gatos e há indícios de que ao fazer isso eles se acalmam.

Ainda, se o seu gato está pegando coisas e carregando-as para outros lugares – como meias, por exemplo – ele pode estar fazendo isso por um instinto predatório e a meia está sendo usada como um substituto para a presa que foi abatida e carregada para o lugar de armazenamento.

Mas, se você acredita que esse comportamento seja uma compulsão para o seu gato, deve procurar a ajuda de um especialista em comportamento felino ou de um veterinário para que eles avaliem essa possibilidade.

Porque os gatos jogam objetos no chão?

Geralmente eles fazem isso pelo mesmo motivo que roubam os objetos. Isso se dá pelo seu instinto de caçador ser bem aguçado.

Se você já observou um felino caçando em meio à natureza – qualquer espécie de felino, não necessariamente um gato -, deve ter percebido que ao capturar sua presa ele não se alimenta dela imediatamente, mas fica a manipulando com tapas como se ela fosse um brinquedo.

Porque os gatos têm atração pela água?

Praticamente todos os gatos adoram água, embora não reajam a ela da mesma forma que os cães. Os gatos preferem abordar a água em seus próprios termos e muitas vezes não gostam que isso lhes seja imposto.

Quando se trata de água potável, os gatos costumam ser mais atraídos por água corrente ou gotículas de água porque essa era a maneira que seus ancestrais interagiam com ela na natureza. É por isso que muitos gatos precisam de bebedouros com água corrente ou adoram a água de torneiras abertas.

É menos provável que a água parada em uma tigela chame a atenção de um gato pois ele não pode cheirá-la nem vê-la. Se você perceber que o seu gato possa estar sem a hidratação adequada, experimente dar a ele acesso a água corrente.

Outras curiosidades sobre gatos que talvez você ainda não tenha conhecimento
Os gatos podem saltar até 6 vezes a sua altura

Os gatos são bons saltadores e podem saltar muito alto. Muitas vezes você pode vê-los no topo de uma cerca de jardim ou em um muro muito alto e pensar como foi que conseguiram chegar até lá. Eles têm músculos muito fortes em suas pernas que os catapulta no ar.

Os gatos têm um total de 18 dedos

Os gatos têm cinco dedos em cada uma de suas patas dianteiras e quatro dedos nas patas traseiras.

Existem mais de 500 milhões de gatos de estimação

Existem muitos gatos em todo o mundo, pois são um dos animais de estimação mais populares para se ter. De acordo com o PDSA, hospital filantrópico que é referência no tratamento de animais de estimação do Reino Unido, 51% das pessoas adultas possuem um gato nos países que compõem o Reino Unido.

Os gatos dormem cerca de 13 a 16 horas por dia

Isso equivale a 70% da sua vida, passam um pouco mais de 2/3 da vida dormindo. Você já reparou que os gatos estão sempre dormindo? Eles fazem isso para economizar energia, pois, mais uma vez pelo seu instinto, na natureza eles estariam economizando energia para caçar. Os gatos domésticos obviamente não precisam fazer isso, mas é natural para eles.

1 ano de vida de um gato equivale a 15 anos de vida de um ser humano

Os gatos envelhecem muito mais rápido que os humanos e vivem menos, significa que quando um gato tem 1 ano de idade, isso equivale a 15 anos humanos.

Uma das maiores raças de gatos domésticos é o Maine Coon

O Maine Coon é uma das maiores raças de gatos domésticos que existe. O Guinness World Records (Livro de Recordes) concedeu a Barivel, um exemplar da raça Maine Coon, o prêmio de ser o maior gato doméstico de todos os tempos. Barivel tem 120 centímetros de comprimento e mora na Itália.

A menor raça de gato é o Singapura

É uma raça originária de Cingapura, como o seu nome já sugere. Os gatos dessa raça são, em média, da metade do tamanho de um gato doméstico normal.

Ao ronronar significa que um gato está contente

Na maioria das vezes, um gato ronrona quando está feliz e contente. Isso ocorre principalmente quando está recebendo atenção de seu dono. Eles usam seu ronronar como uma forma de comunicação.

O cérebro de um gato é biologicamente mais similar ao de um humano do que o cérebro de um cão

Ambos, humanos e gatos, têm uma região idêntica no cérebro responsável pelas emoções.

A audição dos gatos é melhor que a audição dos cães

Um gato consegue ouvir sons de alta frequência, cerca de 2 oitavas acima da capacidade de ouvir dos humanos.

Um gato pode correr até 48 km/h

Os gatos, além de ágeis, são muito rápidos.

O gato mais velho registrado tinha 38 anos

O gato mais velho viveu até 38 anos e se chamava Creme Puff. A maioria dos gatos domésticos vive cerca de 16 a 17 anos.


Leia também:
Posso dar leite para meu gato?
Como evitar e como tratar a obesidade em gatos
A importância de adotar um animal de estimação em vez de comprar
9 dicas maravilhosas para donos de gatos inexperientes
Adotei um gato, e agora? Veja o que fazer
Como fazer para um gato parar de urinar fora da caixa de areia?

Compartilhe...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *