Como cultivar lavanda em vaso

Compartilhe...
Tempo estimado para leitura: 5 minutos

Como cultivar lavanda em vaso

Se você gostaria de cultivar lavanda mas o clima da sua região não é propício para ela, então uma ótima opção é plantá-la em vaso.

A lavanda é uma planta dos sonhos de muitos jardineiros e por boas razões, sua cor e fragrância suaves podem permear seu jardim quando frescas e sua casa quando secas. Sendo assim, poucas pessoas resistem aos seus encantos.

Se você é uma dessas pessoas mas não vive em um clima semelhante ao habitat que essa maravilhosa planta exige para se desenvolver bem e florir, então, vamos descobrir como resolver isso?

A lavanda é um arbusto com flores da família das mentas que é facilmente identificada pelo seu doce aroma floral.

Nos tempos antigos, ela era usado como uma erva sagrada. Além disso, era frequentemente usada para refrescar e dar um aroma leve a uma variedade de itens, como roupas e cabelos.

Atualmente, é muito usada em cosméticos, na medicina, em velas, como calmante e até mesmo na culinária. E com a tendência de jardinagem cada vez mais popular, cultivar lavanda em vaso é uma das melhores maneiras de desfrutar desta planta incrível.

Principais cuidados para cultivar lavanda em vaso

Primeiramente, plante a lavanda em um vaso com boa drenagem e com uma mistura arenosa bem drenada de 70% de composto e 30% de areia ou cascalho.

Os melhores vasos para a lavanda são os de cerâmica, barro e terracota, devido à sua estrutura porosa. É possível plantá-la em vasos plásticos, mas nesse caso, preocupe-se ainda mais com a drenagem.

Você pode cultivar a lavanda a partir de sementes, de mudas ou de estacas. As sementes devem ser colocadas em cima de solo arenoso e cobertas levemente com uma camada de perlita.

Coloque o vaso em um local que receba o máximo de sol possível e então, se ela não receber chuva, regue abundantemente a cada 14 dias na primavera ou no verão. Mas diminua as regas durante o outono e o inverno.

A lavanda não gosta de muita umidade, mas precisa de água, isso significa que uma boa drenagem é essencial para cuidar do vaso de lavanda.

Se você plantar sementes, então elas devem brotar em duas a três semanas.

Se optar por estacas, retire-as de plantas logo abaixo de um nó, que é onde um conjunto de folhas se junta ao caule. Em seguida, mergulhe-as em hormônio radicular por um ou dois dias e depois plante-as na mistura que sugerimos acima.

Você também pode comprar mudas já em desenvolvimento, isso é uma garantia maior de sucesso.

Como cultivar lavanda em vaso - dentro de casa

Como escolher a lavanda para cultivar em vaso

A lavanda é uma planta ornamental, muito resistente e muito perfumada, independente da sua variedade,

Todas as variedades de lavanda crescem bem em vasos com condições favoráveis ​​de drenagem. No entanto, existem alguns cultivares de lavanda que são mais adequados para o cultivo em vasos do que outros.

Como o Brasil é um país em que as mudanças de temperaturas são mais intensas em algumas regiões do que em outras, então o ideal é que você se informe em viveiros da sua região.

Isso porque existem variedades que resistem a climas mais frio e seco do que outras, algumas são mais sensíveis, enquanto outras são mais rústicas.

Além disso, você precisa regar quase diariamente as mudas novas se a estação for muito quente. Mas, depois que elas se estabelecerem você poderá espaçar as regas conforme ensinaremos mais adiante.

Segredo do sucesso de cultivar lavanda em vaso

A lavanda não é uma planta muito exigente, mas sofre com o frio e tanto com a falta como com o excesso de água.

Portanto, não importa como você inicia seu cultivo de lavanda em vaso, o mais importante é escolher o vaso e a mistura de envasamento certos.

Ou seja, escolha um vaso que tenha muitos orifícios de drenagem e use uma mistura arenosa.

Além disso, se você cultivar lavanda em um vaso que receba sol pleno pelo menos durante 6 horas diárias, ela ficará mais florida e com a fragrância mais forte.

Deixe o solo secar entre as regas, mas não deixe que fique tão seco que a planta murche. Faça regas bem generosas, de forma que o excesso de água escorra dos orifícios de drenagem e saia pela base do vaso. Ao fazer assim, você incentiva as raízes a se aprofundarem no solo para acessar a umidade, o que aumenta a resistência da lavanda à seca.

Ao contrário, se você regar a lavanda com muita leveza, apenas a parte superior do solo do vaso ficará úmida, o que faz com que as raízes cresçam perto da superfície e isso pode aumentar a vulnerabilidade das lavandas ao estresse hídrico.

A lavanda gosta de calor e muitas variedades não sobrevivem a um inverno frio, mas você pode mover o vaso sem muito prejuízo para a planta. Então, quando as temperaturas começarem a cair, leve o vaso para um local mais protegido. Mas procure uma janela ou local que ela continue recebendo sol pleno.

Apenas lavandas inglesas são resistentes ao frio, as lavandas francesas e espanholas morrem com a geada e você deve levá-las para dentro de casa durante o inverno.

Como cultivar lavanda em vaso - na janela

A lavanda não precisa ser fertilizada para florir

Conforme já escrevemos acima, a lavanda não exige solos ricos, ela floresce melhor em solos de baixa fertilidade, portanto não adicione fertilizantes.

Para manter a sua floração, pode-a no início da primavera ou no outono após o final da floração.

Pode-a cortando o terço superior do crescimento visando deixá-la com uma forma compacta e arredondada. Evite que ela fique pernalta, pois isso enfraquece a planta.

Diferentemente de outros países, com climas mais rigorosos, no Brasil, quando observado o cuidado certo, as lavandas florescem praticamente o ano inteiro.

Porque a lavanda precisa ser podada

Se você não podar a lavanda, ela ficará pernalta, com menos flores e que não durarão muito tempo. Isso vai acontecer porque suas raízes sofrerão para sustentar uma planta maior e que não terá força para florir.

lavanda em vaso em uma sacada


Leia também:
Saiba quais são os aromas que atraem boas energias
Saiba porque a lavanda é mais do que apenas um aroma relaxante
Enxágue sua roupas com vinagre e lavanda para clareá-las, desodorizá-las e amaciá-las
A influência dos aromas em nossa vida

Compartilhe...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *